2 de novembro de 2010

Adoro a minha sogra


Sem ironia alguma.

Trata-me com carinho e ainda me faz verdadeiras delícias gastronómicas sempre que vou lá a casa. Chega a comprar-me sumos e bolachas, sem açúcar.

A minha tradição familiar remonta a sogras não muito amigas das noras. Vai daí, eu tinha um medo de sogras que me pelava! Sorte das sortes, saiu-me uma tão querida. É caso para dizer: Saiu-me o EuroSogras!

5 comentários:

Katia disse...

Eu n tenho sogra m tive uma quase sogra que era como a tua...um doce de pessoa... msmmmm
bjs*

Jo disse...

ainda bem :)

Lea disse...

Oh amiga! Isso é que foi um combinar de sorte. Depois de tempos mais agrestes, chega a hora de começar a compor a vida e a tirar partido das coisas boas!!
Posso confessar uma coisa?? Estou com inveja! ... Pronto... já disse.

Desejo-te todo o bem e sorte do mundo, tá bem Titi?!?!!
Beijocas ;)

Sex na Cidade disse...

eu tb tive sorte =) e que sorte!
Maria

Gracinha disse...

Felizmente também não me posso queixar da minha, que ainda por cima tem essa óptima qualidade que é cozinhar muiiiiiitooooo bem :p