4 de agosto de 2011

Acidente doméstico



Pois que há muito tempo que tal coisa não me acontecia. Ontem, estava eu a tirar um paninho da gaveta para limpar uns pratos que haviam sido lavados, quando fechei a gaveta e me esqueci de tirar o dedo da dita [gaveta]. Resultado? Dedo entalado. Dores insuportáveis. Tonturas. Vómitos. Desmaio iminente. Po momentos, vi a minha vidinha (boa, muito boa) a ir-se desta para melhor (pior, bem pior).


Passados uns minutos [que me pareceram horas] lá fiquei melhor. O meu homem - querido que só ele - não saiu de perto de mim. Esteve ao meu lado a dar-me mimos, enquanto eu gemia com dores e tinha o dedo espetado no ar [dedo médio, por sinal].


Hoje, quando acordei, a primeira coisa que fiz foi olhar para o dedo - não tivesse ele caído durante a noite. Pois que não, não caiu. Não ficou negro, nem inchado. Boas notícias, portanto. No final, a coisa até acabou por correr bem.




Moral da história: nunca mais limpar a loiça. A partir de hoje, deixar essa tarefa para o homem lá de casa (lol).

5 comentários:

Jo disse...

Ui, deve ter doído e muito! Espero que já tenha passado ;)

Margarida disse...

Eu sou perita em esquecer-me de tirar o dedo antes de fechar a gaveta... Dói, dói mesmo... Mas ainda bem que melhorou. :)

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

hehehehe Gostei da moral da história!

Lux disse...

Acho muito bem...
Afinal podia ter acontecido algo muito grave que mudaria tragicamente a tua vida...
Ele que o faça!

xoxo
Lux

Cádinha disse...

ahahah :) Adorei o relato!!!