16 de dezembro de 2011

Depois admiram-se...



Aqui há uns tempos atrás o meu homem, após vários anos de inércia física, decidiu juntar-se com os colegas de trabalho e irem dar uns chutos na bola. Não sei ao certo quanto tempo foi o jogo, mas sei o que se passou nos dias seguintes. Era vê-lo, qual velho reumático, a mexer-se lentamente pela casa. Arrastava os chinelos e para se levantar pedia licença ao pé direito, depois ao esquerdo, novamente ao direito, esquerdo, e depois é que se levantava.


Escusado será dizer que eu me fartava de rir. Se isto, por si só, já tinha piada, imaginem vê-lo a fazer a nossa cama, deitado nela. Sim, leram bem. Estava a fazer a cama, deitado na própria.


Não preciso dizer mais nada, certo? Depois admiram-se de nós "gozarmos" com eles...

3 comentários:

Palco do tempo disse...

ahhahahaha :) maneira original de fazer a cama :)

Mónica disse...

A da cama está demais!! LOL
(bom, pelo menos fazia-a... :D :D)
Beijocas

Lux disse...

Já vi uma cena dessas...
Perdem o hábito e depois ficam que não podem!
É caricato.

Lux