28 de março de 2012

Obrigada



Acabámos de vir do enterro da nossa colega. Devia ser proibido perder as pessoas que nos são queridas. Quando vinha a sair do cemitério, senti o vento a bater-me na cara, o sol a aquecer-me o corpo, e dei graças por estar viva, por estar bem, e agradeci. Porque nunca é demais agradecer por estamos vivos. Por estarmos com saúde. Por termos aqueles que amamos junto a nós.

6 comentários:

ombemua disse...

:( Beijinho*

Jo disse...

Nunca é demais mesmo..

Tsuri disse...

Custa sempre muito. E acabamos sempre por "acordar" e perceber o quão bem afinal estamos não é?
Muita força nesta fase minha querida.
um beijinho grande

Zoana disse...

Nem mais!
Às vezes esquecemo-nos... Mas deviamos sentir-nos sempre gratos por isso!

Mónica disse...

:(
Um grande beijinho.

em Li Pink High Heels disse...

Agree =( BeijinhO e Força!