25 de fevereiro de 2013

Inspiração para a varanda

A primavera está a chegar e com ela virá o tempo mais quente. Vai apetecer almoçar fora mais vezes, nem que o "almoçar fora" seja comer no jardim ou na varanda. Se há coisa que tenho saudades é do jardim da casa dos meus pais. Sempre me imaginei a viver numa vivenda e quando era mais nova dizia mesmo que nunca iria conseguir viver num apartamento.
 
Com a entrada na universidade e a mudança da casa dos pais para Coimbra vi-me obrigada a alugar um quarto num apartamento. A mudança acabou por ser melhor do que eu esperava.
 
Sim, sinto muitas saudades de ter um jardim, de estender a roupa no quintal, dos almoços/jantares feitos no churrasco, mas a verdade é que gosto muito do apartamento que eu e o J. comprámos.
 
Quando andávamos a ver apartamentos, sabíamos que queríamos um que tivesse varanda. Já que não podia ter um jardim ou um quintal, tinha de ter uma varanda. Conseguimos comprar um apartamento com duas varandas. Não são muito grandes, mas a maior dá para fazer um pequeno refúgio para os dias mais quentes. Já o ano passado tínhamos ideias para transformar aquele cantinho, mas a verdade é que ainda não lhe tocámos. A única coisa que a varanda tem é o estendal da roupa (lol). Este ano, prometemos que iria ser diferente. O chão já está escolhido (a última visita à Leroy Merlin foi muito útil) e já temos uma ideia do que queremos para decorar o espaço.
 
Na minha busca incessante por coisas bonitas, dei de caras com a Lona, uma empresa 100% portuguesa. Cadeiras, mesas, almofadas, puffs, tapetes, etc., a escolha é variada. Fiquei vidrada nas cadeiras de realizador e nos puffs... maravilhoooso :)
 
 
 

2 comentários:

Mary disse...

Oioi, conheci o teu cantinho e gostei muito. Vou-me tornar visita habitual :)

http://digasepassagem.blogspot.pt/

Beijinho*

Irina disse...

Ideias muito giras =)

Mil pétalas...